Saae Aracruz/ES

Tele Atendimento 0800-2839590

Coqueiral

1 - SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA - (COQUEIRAL)

 

Captação
O Sistema de Abastecimento de Água do distrito de Coqueiral, tem hoje como principal fonte de produção, um manancial superficial, cujo nome é conhecida como Barragem da SANTUR.
O sistema de captação através do manancial superficial, consiste de uma barragem a partir da qual é feita a tomada d'água. Em seguida passa pelo poço de sucção das bombas, onde é bombeada até a ETA. Através de 05 conjunto motobomba de 12,5 Cv, com vazão de 108 m³/h. A adutora de recalque de água bruta se estende até a ETA, cobrindo uma extensão de 170 metros, com um desnível geométrico igual a 18 metros, sendo constituída duas linhas, sendo uma de tubo D'FOFO DN 200 mm e outra de tubo de ferro fundido DN 200 mm.
A capacidade de bombeamento instalada é de cerca de 235m³/h.


Tratamento

O Tratamento da água captada no manancial, se dá na ETA, localizada apenas à 50 metros da captação. O sistema existente de tratamento, é do tipo flotação por ar dissolvido, consistindo de uma casa de química, calha parshal, clarificador de contato, flotador, filtro rápido e o tanque de contato, onde é feita a desinfecção, correção do PH e a fluoretação. A capacidade de tratamento da estação é de 160 m³/h. Atualmente a ETA aplica os seguintes produtos para obter o padrão de potabilidade exigido pela Portaria 2.914/2011do Ministério da Saúde: Policloreto de Alumínio, Hidróxido de Sódio, Fluorssilicato de Sódio, Ortopolifosfato e Cloro gasoso.


Distribuição
Atualmente a rede de distribuição de água do distrito de Coqueiral possui aproximadamente 42.468 metros lineares de extensão. E atende a 1.755 economias, perfazendo um total de 1.648 ligações de água, aproximadamente 99% da população urbana é atendida com abastecimento d'água. A distribuição é feita em duas partes, da seguinte forma:

a) Recalcada através de 03 conjunto motobomba de 30 Cv, com vazão de 90 m³/h, através de uma adutora de Dn 200 mm em ferro fundido com uma extensão de 3.000 metros de comprimento onde abastece um reservatório localizado no Bairro Coqueiral com capacidade de reservação de 700 m³ de água.

b) Recalcada através de 01 conjunto motobomba de 25 Cv, com vazão de 90 m³/h, através de uma adutora de Dn 140 mm em PVC com uma extensão de 4.200 metros de comprimento onde abastece o reservatório localizado em Mar Azul com capacidade de reservação de 1.200 m³ de água e o Reservatório localizado em Sauê, com capacidade de reservação de 100 m³.

 

 

SISTEMA DE COLETA E TRATAMENTO DO ESGOTO - (COQUEIRAL)

 

Rede Coletora
A rede coletora de esgoto sanitário atende atualmente a 1.534 economias, perfazendo um total de 1.455 ligações, sendo constituída de manilhas de cerâmica vitrificada no diâmetro de 150 mm e tubos de PVC, nos diâmetros de 150 mm, possui ainda cerca de 198 poços de visita (PV's). Atualmente a extensão de rede cobre uma faixa de 25.067 metros, atendendo aproximadamente 86% da população urbana. Para complementar o sistema o SAAE dispõe de 4 elevatórias de recalque de esgoto que lançam todo o esgoto do bairro Coqueiral para uma elevatória principal onde é bombeada até a ETE, através de 02 bombas submersível de 50 Cv. O emissário de esgoto se estende até a ETE, cobrindo uma extensão de 4.170 metros, sendo constituída de tubos de ferro fundido Dn 200 mm. Veja as dicas de como você pode contribuir para que ela funcione normalmente.

Tratamento do Esgoto

O tipo de tratamento usado pelo SAAE para tratar o esgoto coletado no distrito de Coqueiral é através de Lagoa Anaeróbia Facultativa com taxa de eficiência de 85% da matéria orgânica removida, O processo é totalmente biológico, não havendo a adição de produtos químicos ou consumo de energia elétrica.

O Sistema de Tratamento existente consiste de um processo simples e natural para tratar esgotos domésticos e o seu principal objetivo é remover matéria orgânica. Este processo é indicado para as condições brasileiras devido ao clima favorável, suficiente disponibilidade de área, à operação simples e à utilização de poucos equipamentos. Este sistema compreende as seguintes etapas: tratamento preliminar (gradeamento, caixa de areia e calha Parshall) e o tratamento secundário (lagoas anaeróbias e lagoa facultativa).

1ª Etapa - Tratamento Preliminar.

a) Gradeamento : tem pôr objetivo reter o material sólido grosseiro em suspensão no esgoto, para proteger tubulações, válvulas, bombas e outros equipamentos. O gradeamento pode ser feito utilizando grades constituídas pôr barras metálicas paralelas e igualmente espaçadas (de limpeza manual) ou pôr grades mecanizadas (de limpeza mecânica).

b) Caixa de areia: dispositivo destinado a reter areia e outros detritos minerais inertes, geralmente presentes no esgoto doméstico, e visam proteger bombas à abrasão, bem como evitar entupimentos das canalizações e a sedimentação desse material nos decantadores ou digestores.

c) Calha Parschall: medidor de vazão de canal aberto.


2ª Etapa - Tratamento Secundário

a) Lagoas anaeróbias: nesta etapa o objetivo é minimizar ao máximo a presença de oxigênio para que a estabilização da matéria orgânica ocorra estritamente em condições anaeróbias. A eficiência deste tipo de sistema poderá atingir até 60% na remoção de DBO (Demanda Bioquímica de Oxigênio) dependendo da temperatura, em seguida o esgoto passa pôr uma lagoa facultativa.

b) Lagoa facultativa: nesta etapa ocorrem dois processos distintos: aeróbios e anaeróbios. Na região superficial ocorre os processos fotossintéticos realizados pelas algas onde há liberação de oxigênio no meio, favorecendo o processo aeróbio e, no fundo quando a matéria orgânica tende a sedimentar ocorrem os processos anaeróbios, a taxa de eficiência é de 85% na remoção de DBO (Demanda Bioquímica de Oxigênio).

Somente após passar pelo tratamento é que é o fluxo tratado é lançado no Rio Piraqueaçu. Pois assim, como há preocupação no sentido de tornar pura a água captada nos rios, fontes ou poços, antes de servi-la à população, o SAAE também se preocupa quanto ao destino final dos esgotos sanitários, sabendo-se que o despejo "IN NATURA" nos rios tem conseqüências danosas na saúde das populações.

© Copyright 2009 - Todos os direitos reservados.

Produzido pela

Impacta Soluções Web